23 de jun de 2010


Contudo, tenho que agradecer por você ser tão assim. Que bom que você me acorda sempre pra realidade, imagina só se eu vivesse pensando que com você tudo seria um sonho? Mas, que bom que você tem essas atitudes que me entristece, caso contrário eu viveria a pensar que ao seu lado tudo seriam felicidades e flores.
Que bom que não da atenção aos meus conflitos, que acha ridículo esse meu jeito diferente de olhar a vida. Isso permite todo esse céu nublado entre a gente, o tempo deixou bem claro que um mundo multicolorido ao seu lado não seria possível.
Que bom que você deixa claro sua preferência pela vida efusiva e fugaz. Imagina só se eu pensasse que o importante fosse mesmo o que carrego aqui dentro?Coisas como, por exemplo, princípios, gratidão, sentimento verdadeiro, integridade? Mas calma, eu não penso que você pensa assim, fica tranqüilo, eu sei que essas coisas que carrego aqui dentro, é muito careta pra você que é tão moderninho. 
Bom mesmo é quando me deparo com suas grosserias e arrogâncias. Imagina só se você prezasse pela educação e gentileza? Eu pensaria inúmeras vezes que você pudesse vir a ser um diferencial em minha vida.
Que bom que você me diz palavras que machucam e magoam. Imagina só se você dissesse apenas delicadezas? Eu pensaria sem receios em te mandar todas as cartas que estão na gaveta, prontas para serem queimadas.
 E que bom que você me deixa solta, jogada, enquanto dá assistência a milhares de corações sem coração. Imagina só se me deixasse sempre com a impressão que mesmo na distância estaria comigo onde quer que eu fosse? Eu deixaria alguns bons partidos passarem, pelo simples fato de me encantar por ti.
Que bom que depois de tudo isso, você ainda me ache CHATA. Imagina só minhas virtudes e meu jeito honesto de ser valessem mais para você? Eu iria viver a pensar em nos dois velhinhos dançando dois pra lá e dois pra cá.

Espero que assim como eu você ache bom, quando eu pegar o meu caminho e seguir em paz.

2 comentários:

Löяy Davis.... disse...

wow, que massa o texto!
XD

Anônimo disse...

no chata demais, credo!