18 de out de 2009

Palavras sem hora

.

Tem horas que o mundo parece grande demais
e por mais oxigênio que exista, nos falta ar.
Nessas horas não há colo nem conselho que acalme.
O credo em qualquer coisa é revogado,
por quê tem que ser assim?
Pensamos, não queremos ser os próximos baldados desta sina.
Somos impotentes diante do conflito.
A solução deleita-se por caminhos remotos.

Marina R. Gontijo Teixeira

3 comentários:

× Vih Zane ϟ disse...

Uau. Muito bom! Adorei!

Marii disse...

*-*

Ѽ MandyѼ disse...

MtO BoM MxM...