29 de ago de 2011

Um trecho de " A garota da vitrine"


"Ao vê-la se afastar, ele sentiu uma perda.
Como é possível? (pensou ele)
Sofrer por uma mulher que ele manteve à distância
pra não sentir a falta dela quando ela fosse embora.
Só então percebeu o quanto querer só uma parte dela
e não ela inteira fez os dois sofrerem.
E como não podia justificar seus atos,
exceto por bem… “a vida ser assim”.
Certas noites, sozinho ele pensa nela.
Certas noites, sozinha ela pensa nele.
E certas noites isso acontece ao mesmo tempo.
E então ele e ela se relacionam sem saber."

Nenhum comentário: