23 de mar de 2011

Vou perder o sono, vou passar em claro, é claro que eu não vou passar em branco. 
O mundo anda em linha reta,eu ando em linha torta, eu ando do meu jeito. 
E se eu fosse um poeta e entortasse a minha linha reta, você me daria um ponto,
ponto de interrogação
se eu pusesse os meus enfeites o prazer do seu deleite você me daria um ponto, 
ponto de interrogação.

Nenhum comentário: