31 de dez de 2010

JFMAMJJASOND

Passamos dezembro esperando o Natal e do Natal em diante esperamos alucinados pelo Reveillon. Começamos um ano novo na espera da festa que tudo pode,o  Carnaval. Daí ficamos cinco dias em festa e tudo pronto para começar o ano? Nada, vem à preparação para a balada do Sábado de Aleluia e a euforia das compras de Ovos de Páscoa, até que os recessos mais comuns do início do ano acabam e pesquisamos na folhinha do ano, o próximo feriado emendado. Se o ano é bom comemoramos as sextas e segundas de bônus, se não ficamos enfurecidos por não poder colocar as pernas para o ar no dia da Proclamação da República, Alguém sabe que dia é? Tem feriado que 90% não sabem nem porque é feriado.
Mas seguindo a linha do começar o ano, ficamos ansiosos pela chegada do frio e com ela suas festas juninas e dias de Santos,como diria meu caro Jô Soares : “No Brasil quando o feriado é religioso até ateu comemora.” Comemos doces da roça, canjica e muito milho verde. Daí vem às férias e viagens para descansar do inicio de ano cansativo.   E Agosto surge como um segundo inicio de ano, segundo semestre, pé na estrada? Nada, Sete de setembro está ai prontinho para se juntar a uma sexta e virar um festão nas casas de beira d’agua. As crianças já ficam eufóricas com a chegada da semana delas, mais uma viagem e muitos presentes. Outubro acabou, e novembro passa com mais dois dias de folga que gastamos falando do fim de ano e de como é bom não fazer nada. Dezembro chega e todo dia é dia de reclamar que o os dias não passam , mais que o ano voou. Então é Natal , é ano novo também. . .
- Alguém imagina um ano sem tantos dias inúteis? 

Um comentário:

M'kawa disse...

haha...mto bom...e tbm não vamos esquecer os nossos queridos finais de semana...2ª chega e já estamos pensando na"tuada de sexta"