10 de set de 2010

Então..


  • Decisões precisam ser ponderadas, para que depois de feitas, não ocorra o arrependimento.
  • Decisões precisam ser tomadas com todo cuidado, para que depois não sofra.
  • Decisões precisam ser feitas com certezas, para que depois não fique no seu pensamento aquela velha frase: tudo poderia ser diferente.

Ponderou? Tomou? Teve certeza? Ok, decisão feita.
Você achava que seu namoro não dava mais certo, que estava perdendo oportunidades de viver livre, que ele não te completava tanto assim, que você precisava expandir suas fronteiras, conhecer gente nova, curtir com as amigas. Enfim, você tomou uma difícil decisão, terminar um relacionamento. E durante muito tempo, esteve bem, segura, não passou por sua cabeça nenhum pensamento de retornar aos braços daquele menino, mesmo que este tivesse deixado claro que te queria por perto. Você se manteve certa de sua escolha. E não deixou de viver, de conhecer, curtir, admirar tudo que não vivia por pensar estar presa. O menino sofreu calado, ficou mal, justo ele que sorria tanto, mas ele foi forte e entendeu sua escolha. Seguiu sua vida, estudando, pensando no futuro.

E assim começa sua agonia.

O menino encontrou uma menina, que também sofria calada. E eles foram sinceros um com o outro. E assim deu início uma nova fase na vida deles. Algum tempo se passou e o menino começou a sorrir, a cantar, a falar, a abraçar, a beijar a testa daquela menina e então eles deram à mão.
E você? Soube disso e perdeu a razão. Começou a ligar para o menino, mandar mensagens, tentando de alguma forma reaver sua decisão. Mas você não percebe? Passou tempo demais, é tarde, ele hoje está onde queria está. E você pode estar correndo o risco de perder a única coisa que sobrou no coração dele sobre o relacionamento passado, o respeito. A menina até fica chateada ao saber que você continua correndo atrás, falando coisas para reconquistá-lo, até pensa que você nada mais quer do que estragar um encontro tão bonito e sincero como o deles. Mas logo passa, ela sabe que é ato desesperado seu, que ele nem em pensamento pensa em deixá-la para voltar ao passado, ela sabe que os olhos dele brilham hoje por razão dela. E por isso fica quieta, não briga com o menino, que não tem culpa de você ser insegura e não saber o que  realmente quer da vida. Eles fazem desses acontecimentos, um ponto de fortalecimento. E assim, cada palavra sua fortalece mais o sentimento deles, cada ligação sua estrutura a base sólida desse querer bem.

Tudo bem, você está triste , chora e sofre por ter sido tão egoísta e pensado só em você. Não cometa o erro do egoísmo de novo, não tente atrapalhar o menino, o deixa ser feliz, todo mundo percebe o quanto eles estão em sintonia, um ajudando o outro, rindo por aí, o deixa ser alegre. O deixa em paz, pela menina e por ele. Busca evoluir seus pensamentos, tente achar alguém que te faça feliz, seja honesta e mantenha o respeito por você mesma. Encante o mundo. Ninguém quer te ver sofrendo não, só entenda que sua vez passou, foi bonito tudo que viveram, mas encerrou o ciclo.

A menina não quer faltar com educação com você, ela entende sua dor, mas entenda o lado dela. A menina escreveu esse texto, com palavras simples e um pouco de lirismo para você entender que suas atitudes estão sendo desonestas. Não faça mais isso, cuide do seu futuro, que há de ser bonito como o deles. 

marina gontijo.

Nenhum comentário: