7 de out de 2009

Querido amigo Augusto .

Demorei alguns dias para postar, reuni todos os meus pedaços/papéis.Então assim começo minha saga .

Não se perca de mim, mesmo que eu me perca por aí.
Seja minha bússola, orienta-me ao longo dos passos da vida.
Existir ao lado seu é mais que viver . É descobrir o elixir da felicidade.Você reluz e é ouro.

Eu tinha/tenho um amigo, Augusto. Por muitos anos vivemos em perfeita harmonia.Ele era alegre, engraçado, gentil , tinha um brilho nos olhos inconfundível. Entretanto, a nossa história é bem parecida com um pedaço da história dos Beatles, sabe aquela parte em que aparece uma Yoko Ono? Essa mesmo. Porém a de cá, é um pouco menos virtuosa e muito mais cruel. Meu amigo se perdeu, dele e de mim. Ele já não ri, não é mais o mesmo.
Infelizmente ele foi fraco, não assume o que realmente o faz feliz. Tem medo. Definitivamente eu não posso deixar que sua fraqueza o faça perder esse brilho nos olhos.
Acorde amigo, você não faz parte desse mundo sujo. Não merece uma pessoa que impede de crescer, de ter amigos. Não merece uma pessoa que te deixa de lado quando sente “vontade” de oferecer algo ao ex. O que essa pessoa te “dá” qualquer outra também. Mais amigo, você não nasceu para mulherzinhas. Você nasceu para ser um grande homem, e para ser grande há de ter ao seu redor pessoas de caráter e virtudes.



CONTINUA ...


.

Nenhum comentário: